Vereadores fiscalizam denúncias de desvios de água do Rio das Almas - Jornal Fala Mais

Vereadores fiscalizam denúncias de desvios de água do Rio das Almas

Depois de receber várias denúncias por parte dos munícipes rialmenses, a Câmara de Vereadores, representada pelos vereadores Antônio Ferreira Borges Junior – Presidente da Casa; Rodrigo Donizete Pinheiro, Geraldo Arruda Pereira, Walmir José de Carvalho e Paulinelly Geraldo Carneiro, exercendo as atribuições constitucionais de fiscalização, se dirigiram até a zona rural, nas imediações do Distrito de Castrinópolis, aonde foram encontrados dois pontos de captação de água em barramentos artificiais de afluentes do Rio das Almas. Foi verificado, na oportunidade, que o curso de água de ambos os pontos de captação estava interrompido, caracterizando, dessa forma, a diminuição de águas para a sustentação da bacia do Rio das Almas.

 

Fato contínuo, os vereadores se dirigiram até à Secretaria Municipal do Meio-ambiente, aonde relataram o caso ao fiscal da secretaria. Tendo em vista a gravidade das denúncias, e em atendimento à pretensão dos vereadores, a Comissão, acompanhada do fiscal da SECIMA, retornou ao local, aonde se depararam com um funcionário da CRV Industrial fazendo a retirada do motor de um dos pontos de captação de água, sem sequer apresentar os documentos necessários que autorizam o uso dos recursos hídricos daquela bacia hidrográfica, pela empresa CRV Industrial.

 

Com essa ação, a Secretaria Municipal do Meio-ambiente e Saneamento de Rialma entendeu necessária a realização de uma varredura em toda a área urbana e rural do Município de Rialma, em virtude da preocupação da sociedade rialmense com a vazão das águas do Rio das Almas, preocupando-se, ainda, com os córregos e as nascentes, que são explorados diuturnamente, retirando-se, deles, um grande fluxo da água que dá sustentação à bacia do Rio das Almas.  

 

A Câmara de Vereadores, em parceria com a Secretaria Municipal do Meio-ambiente, espera coibir o uso abusivo dos recursos hídricos do Município de Rialma, que são imensuráveis para a preservação do bioma, bem como, à produção dos bens de consumo, que garantem a vida e a realização de todas as atividades executadas pelo homem.

 

É necessário, entretanto, preservar os recursos hídricos, que também são fundamentais para a agricultura familiar e o pequeno produtor rural, que estão sofrendo com a interrupção do fluxo dos córregos e dos cursos d’água das nascentes, e que, a cada dia que passa, perde mais espaço para a indústria álcool-açucareira, haja vista a disparidade financeira entre a potência da indústria e a simplicidade do produtor rural.

FONTE: www.camararialma.go.gov.br

Links relacionados

08/09/2017 às 20:37

+ Lidas