Garoto de 45 milhões de euros marca duas vezes, e time volta a vencer após quatro jogos no Brasileirão - Jornal Fala Mais

Garoto de 45 milhões de euros marca duas vezes, e time volta a vencer após quatro jogos no Brasileirão

 VINICIUS BRILHA

O que muitos esperavam enfim aconteceu neste sábado, quando uma das maiores promessas do futebol brasileiro deslanchou e se destacou com dois gols na vitória de 2 a 0 do Flamengo sobre o Atlético-GO em duelo válido pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Muito badalado ao ser vendido ao Real Madrid por 45 milhões de euros, Vinicius Junior teve ótima atuação na Ilha do Urubu com dribles e gols em jogo que fez o Flamengo voltar a vencer após quatro partidas no Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time de Reinaldo Rueda chega aos 32 pontos, na quinta colocação, enquanto o Atlético-GO permanece afundado na lanterna, com 15.

                  RENDA E PÚBLICO

 5.969 pagantes e 7.082 presentes. Renda: R$ 319.740

            PANORAMA Na próxima rodada, o Flamengo tem pela frente o Atlético-PR, também na Ilha do Urubu, domingo que vem. Antes, enfrenta o Botafogo na quarta-feira, no Maracanã, pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. O Atlético-GO volta a campo no sábado, para enfrentar o Corinthians, em São Paulo.

  O garoto de 45 milhões de euros justificou o investimento do Real Madrid com a melhor atuação como profissional. Velocidade, disposição, habilidade e bola na rede. O garoto buscou o jogo o tempo todo e anotou os seus dois primeiros gols no Brasileirão. Ele, que já havia marcado com a camisa do Flamengo na Sul-Americana, arrancou sorrisos do quase sempre sério Reinaldo Rueda.

 WALTER E PAULINHO, POUCO PARA UM TIME INTEIRO

O Atlético-GO mostrou os motivos pelos quais faz campanha tão ruim no Campeonato Brasileiro. Paulinho é um dos poucos que faz bom papel nesse time, e Walter, na frente, ainda leva perigo. Tanto que obrigou Diego Alves a fazer grande defesa. Mas falta muito para a equipe que caminha a passos largos rumo ao rebaixamento.

                PRIMEIRO TEMPO

 

 Bastante mudado, o Flamengo teve dificuldades na primeira etapa por conta do entrosamento. Talvez por isso tenha insistido bastante em bolas alçadas na área. Foram 14, mesmo com Paquetá improvisado como centroavante. O técnico Reinaldo Rueda também optou por improvisar Vaz na lateral esquerda, algo que não funcionou.

 No Atlético-GO, Paulinho fazia bem a ligação da defesa com o ataque, e o time até que jogava solto. Mas foi Márcio Araújo quem quase abriu o placar ao pegar sobra na marca do pênalti. Vinicius Junior cabeceou com perigo na sequência, e os visitantes também ficaram perto de marcar na primeira etapa em dois chutes de Walter, um deles para uma grande defesa de Diego Alves.

               SEGUNDO TEMPO

Para a segunda etapa, Renê entrou no lugar de Vaz. O Flamengo voltou bem melhor, tanto que acertou a trave com Arão aos dois minutos. E o gol saiu aos 10, quando Marcio Araújo lançou Vinicius Junior em velocidade, o garoto de 45 milhões de euros invadiu a área para bater firme e rasteiro de pé esquerdo para vencer Felipe: 1 a 0.

 O gol animou ainda mais Vinicius Junior, que abusou da velocidade pela esquerda. O garoto quase marcou de cabeça aos 27, mas o capricho que faltou sobrou dois minutos depois. Diego - que havia entrado no lugar de Geuvânio - tocou para Paquetá dar bela assistência a Vinicius Junior. A arrancada e o drible no goleiro terminou com o segundo gol dele e do Flamengo.

 

Links relacionados

19/08/2017 às 20:00

+ Lidas